Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Daily Routine by Cristina Ferreira

.

.

Daily Routine by Cristina Ferreira

05
Dez17

O que custa é começar...


Cristina Ferreira

05-12.jpg

 

 

Quando há 4 anos atrás fiquei desempregada pela primeira vez fiquei aterrorizada! Pensava eu que era daquelas coisas que só aconteciam aos outros: aos que não tinham formação, aos que não tinham experiência, aos que não queriam trabalhar, aos que não tinham responsabilidades... Mas "a sorte toca a todos" e dessa vez tocou-me a mim!

 

A trabalhar desde os meus 23 anos, nunca tinha, até àquela data, preparado um Currículo a sério. Um daqueles Currículos que agora se fazem que em 6 segundos têm de chamar a atenção de um recrutador para não acabarem no caixote do lixo! 

 

Nessa altura decidi que, para colmatar lacunas, seria bom voltar a estudar. Após pesquisa e pré-seleção de cursos, descobri que precisava da prova específica de Português... Pedi as informações necessárias, comprei um manual da Porto Editora para preparação de exame e até contactei uma professora de Português!

 

Isto foi há 4 anos e até hoje... Nada! Continuo simplesmente acomodada! Afinal voltei a trabalhar, não voltei a precisar e... A decisão voltei a adiar! Limito-me a dizer: "Ah sim, está nos meus planos! Mas este ano já não dá porque... já é muito em cima! ... porque estou num trabalho novo! ... porque saio muito tarde e não tenho tempo..." E blá blá blá... Desculpas!

 

Ontem o meu menino grande, aluno do 10º ano, veio comigo desabafar e pedir ajuda para criar rotina diária de estudo. Qual mãe sábia e organizada, lá desbobinei eu um rol de dicas! Umas concordou, outras não... Mas a dada altura, pergunta-me: "Olha lá, e tu? Não disseste que querias voltar a estudar?"

 

Nesse momento apeteceu-me responder: "Não faças o que eu faço, faz o que eu digo e vai estudar!" Mas em vez de autoritária e sem sentido, fui sincera... Revi as desculpas que fui dando ao longo dos últimos anos e assumi que na verdade sou perita em procrastinação! Confessei que apesar de me considerar uma pessoa bastante organizada, a verdade é que introduzir uma rotina nova é sempre muito complicado! Aliás, se a rotina nova implica prazer imediato, é simples! Mas quando a rotina nova implica esforço e trabalho, aí...

 

Então fizemos um pacto: ele compromete-se a tentar estudar diariamente e eu comprometo-me a tentar estudar português! Agora já não tenho como fugir e como o que custa é começar... decidi aproveitar o frio para me aconchegar no sofá e estudar!

 

09
Nov17

"Sobre a necessidade de um emprego"...


Cristina Ferreira

 

 

Frequento um grupo de meditação. Medita-se em silêncio para acalmar a mente e depois conversa-se... Semanalmente é selecionado um tema. Esta semana: "Porque não mudamos?" de Krishnamurti. 

 

Eu não conhecia Krishnamurti. Achei interessante o que sobre ele ouvi, fiquei curiosa e vim para casa pesquisar mais...

Muito se pode obviamente dizer sobre ele, mas hoje vou apenas focar neste vídeo cujo tema me chamou a atenção, quer pela sua atualidade, quer pela minha identificação pessoal com o mesmo:

    "Sobre a necessidade um emprego", Krishnamurti, palestra de 1979.

"... ir a um escritório todos os dias das 9h às 17h, é um aprisionamento intolerável..."

 

38 anos depois, em Portugal, no privado, não se trabalha das 9h às 17h00. Trabalha-se num horário ainda mais aprisionador: das 9h, ou das 8h30, ou das 8h00... às 18h, às 18h30, às 19h...

Por vezes mais, pois somos cada vez mais sujeitos a horas extraordinárias "forçadas"... E digo forçadas porque quando à pergunta: "Tem disponibilidade para horas extras?" se ousa responder que não... Em processo de seleção é-se automaticamente eliminado, em ambiente de trabalho pode-se optar por fim de contrato ou rescisão! 

 

Trabalhar é indispensável para ter dinheiro e somos obrigados a aceitar este modo de vida: aceitamos a correria constante, o stress, a ansiedade, a depressão, a falta de tempo para a vida pessoal... Aceitamos ver os nossos filhos crescer em infantários e centros de estudos... Aceitamos levar as nossas crianças para casa às 19h, às 20h... Aceitamos ver os nossos adolescentes crescer sozinhos...

 

    "... Poderemos criar uma sociedade diferente?..."

 

Uma redução generalizada da carga horária de 40 para 35 horas semanais para todos, e não apenas para a função pública, é o minimo que todos devemos exigir. Essa diferença entre o sector público e o sector privado não deveria sequer existir!

 

Mãe de dois filhos, sou igualmente defensora que as mães deveriam ter a oportunidade de poder optar trabalhar em part-time. 20 ou 30 horas semanais.

Não é essa a tendência nos ditos países "mais evoluídos"?

 

Krishnamurti faleceu em 1986. Que diria ele se viesse agora visitar Portugal...

Portugueses! Vivem num aprisionamento intolerável!

Portugueses! De que estão à espera?! PORQUE NÃO MUDAM??!!

 

 

 

 

 

foto do autor

ENTRE O COMEÇO E O FIM... Uma nova rotina... Um NOVO BLOG

Posts mais comentados

Calendário

Fevereiro 2018

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728